Cidades

Polícia investiga desaparecimento de idoso após sair para cobrar dívida de R$ 70 mil, em Goiânia

Delegado do caso, Thiago Martiminiano, disse que não pode mais detalhes sobre as investigações. Idoso foi visto pela última vez ao entrar em uma caminhonete


Joao Paulo Alexandre

Do Mais Goiás | Em: 15/06/2019 às 12:26:55


Idoso desapareceu após sair para cobrar uma dívida (Foto: Reprodução/ Arquivo Pessoal)
Idoso desapareceu após sair para cobrar uma dívida (Foto: Reprodução/ Arquivo Pessoal)

Um idoso de 65 anos está desaparecido desde que saiu para cobrar uma dívida no valor de R$ 70 mil, na última quarta-feira (12), em Goiânia. Segundo a Polícia Civi (PC), o aposentado Antônio Vanderlei de Faria foi visto pela última vez na região do Setor Nova Suíça.

Familiares do aposentado registraram boletim de ocorrências na Delegacia Estadual de Investigações Criminais (Deic) um dia após não ter contato com o idoso. Câmeras de monitoramento mostram o momento em que o idoso sai do prédio, acena para alguém e, logo depois, passa sentado no banco de passageiro de uma caminhonete.

Ao G1, a filha do aposentado, Larissa Santiago, de 33 anos, contou que o pai cobrava a dívida há um tempo. À reportagem, ela disse que o devedor deu a ideia do pai ajudar na venda de uma fazenda e que ficasse com o dinheiro como parte do pagamento.

Outro filho do aposentado, Pedro Henrique Santiago, também de 33 anos, contou que o pai e o homem que lhe deve não tinha uma relação muito próximo. Pedro veio de Brasília para Goiânia assim que soube do desaparecimento do pai.

Consta no boletim de ocorrência que Larissa ligou duas vezes para homem que deve o pai e que ele teria dado diferentes versões durante os telefonemas. No primeiro, ele teria dito que não tinha se encontrado com o aposentado. Na segunda ligação, ele alegou que Antônio teria entrado na caminhonete, recebido parte do dinheiro e ido embora.

Procurado pela reportagem, o delegado à frente das investigações, Thiago Martiminiano, disse que não pode dar mais detalhes sobre o caso.

Caminhonete que o idoso entrou antes de desaparecer (Foto: Reprodução/ TV Anhanguera)