Polícia Civil realiza operação de combate ao narcotráfico em Anápolis

De acordo com as investigações, o nome da "Operação Dimas" faz referência a "dinheiro na mão". Mais de 40 policiais da 3ª Delegacia Regional de Polícia Civil (DRP) atuam na iniciativa.

Sede da 3ª Delegacia Regional de Polícia Civl é localizada na BR 153, KM 99, do Distrito Agroindustrial de Anápolis (Daia). (Foto: Jonathan Cavalcante/Mais Goiás)

A Polícia Civil realizou durante a quinta-feira (14) a “Operação Dimas” referente ao combate ao narcotráfico em Anápolis. Foram cumpridos. 11 mandados de busca e apreensão e outros quatro de prisão. A ação foi nominada em referência aos valores que eram arrecadados por um dos presos após a venda dos entorpecentes, visto que, na linguagem coloquial, “Dimas” significa “dinheiro na mão”.

Durante o cumprimento das buscas, foram apreendidos aparelhos celulares, valores em espécie, munições de calibre 38 e uma arma de fogo que gerou a lavratura do Auto de Prisão em Flagrante.

Investigações

As investigações iniciaram-se em março deste ano e, após várias diligências investigativas, ficou comprovado que cinco pessoas estavam desenvolvendo o tráfico de drogas, além de terem sido descobertas vários suspeitos que adquiriam as drogas de um dos cinco presos, o que motivou vários pedidos de busca e apreensão, para essas pessoas ou para os cinco indivíduos comprovadamente envolvidos no tráfico de drogas.

De acordo com o delegado Cleiton Lobo, os indivíduos atuavam em vários bairros de Anápolis, e outras pessoas poderão ser localizadas nos desdobramentos dessa operação.

Os presos foram encaminhados ao Presídio local onde se encontram à disposição do Poder Judiciário.

Mais de 40 policiais da 3ª Delegacia Regional de Polícia Civil (DRP) atuaram na iniciativa.