Eleições 20166

PMDB oficializa Gustavo Mendanha em Aparecida, mas nome para a vice continua incerto

Partido englobou em uma mesma aliança siglas como DEM, PT, PCdoB, PTC e PSD, que não conseguem chegar a um consenso




Em convenção realizada na noite desta sexta-feira (29/7), o PMDB de Aparecida de Goiânia oficializou o vereador Gustavo Mendanha como seu candidato para a prefeitura do município. No entanto, com uma grande coligação partidária englobando diversos aspectos ideológicos, o grupo permanece até o momento sem a definição de seu vice.

A aliança conseguiu reunir legendas tão díspares como PTC, DEM, PCdoB, PT e SDD, cada um com sua visão de como o grupo deve caminhar nessas eleições. “Começamos a discutir a vice entre Vetter Martins, do SDD, e Manoel Nascimento do DEM. Depois o PT entrou no grupo sem aceitar uma vice do DEM”, revela Ezízio Barbosa, que comandava o diretório municipal do partido até ontem e se afastou para concorrer à Câmara Municipal.

E mesmo com as disputas internas já existentes, o PMDB quer aumentar o bolo ainda mais. “Temos 13 partidos conosco e estamos buscando mais um. Será a maior aliança proporcional da eleição”, garante Gustavo Mendanha, que não esconde a dificuldade de lidar com tamanho atrito ideológico.

“A política às vezes nos proporciona isso. Temos uma relação muito boa com o PT, que contribuiu muito com Aparecida. Da mesma forma, o DEM também contribuiu bastante, assim como o PCdoB”, destaca. Ele também minimiza o fato de Ademir Menezes (PSD) e Maguito Vilela (PMDB), rivais políticos na eleição de 2012, subirem hoje no mesmo palanque. “A relação entre eles sempre foi muito democrática, respeitável. É uma relação que extrapola os campos políticos e o Ademir entendeu que o projeto de continuidade do PMDB é o melhor para a cidade hoje.”

Sobre a formação de sua chapa, Mendanha afirma que as conversas continuam. A expectativa era que os nomes para a vice e coordenação de campanha fossem divulgados durante o evento desta sexta, mas não foi possível chegar a um denominar comum a tempo. “Na semana que vem deveremos anunciar as definições”, garante o vereador.

 

 

Tópicos