Cidades

Personal trainer é preso em Caldas Novas por suspeita de abusar de menina de 11 anos

O crime teria acontecido depois que o suspeito chantageou o padrasto da garota ao descobrir que ele próprio a violentava


Thiago Burigato

Do Mais Goiás | Em: 14/02/2017 às 09:20:04


Suspeito foi preso depois que a vítima relatou os crimes para o pai biológico, que acionou a polícia (Foto: PC)
Suspeito foi preso depois que a vítima relatou os crimes para o pai biológico, que acionou a polícia (Foto: PC)

Um personal trainer de 27 anos foi detido na tarde desta segunda-feira (13) por abusar sexualmente de uma menina de 11. O crime teria acontecido depois que o suspeito chantageou o então padrasto da garota ao descobrir que ele próprio a violentava.

De acordo com o delegado Ulisses Valentim, o padrasto da menina, de 45 anos, praticava os abusos enquanto ainda era casado com a mãe dela. Entretanto, mesmo após se separarem, ele continuava a manter contatos impróprios com a vítima, inclusive com pedidos de fotos via mensagens de celular.

“O outro rapaz descobriu o que acontecia e chantageou o ex-padrasto dela para que ele também abusasse dela”, conta o delegado. Os crimes foram descobertos depois que a vítima os relatou para o pai biológico, que acionou a polícia.

O ex-padrasto foi preso em Nova Crixás e o personal trainer foi detido temporariamente em Caldas Novas. Ele já tinha passagens por crimes de violência contra mulher e ameaça.