Estadao Conteúdo
Estadao Conteúdo
Do Estadao Conteúdo

Pelo Twitter, Maia pede demissão do secretário especial de Cultura, Roberto Alvim

A Secretaria de Cultura, mais cedo, havia anunciado o Prêmio Nacional das Artes em um vídeo protagonizado pelo próprio Alvim com paráfrases a discursos do Ministro de Propaganda nazista Joseph Goebbels

Prêmio de Alvim queria exaltar conservadorismo
Roberto Alvim diz desconfiar de 'ação Minuta de edital do Prêmio Nacional das Artes, anunciado pelo ex-secretário de Cultura Roberto Alvim, apresentava o concurso como uma forma de levar o "conservadorismo" para "além da recuperação econômica e da garantia de Justiça e Segurança Pública". A proposta está suspensa desde o discurso do ex-secretário, que parafraseou o ministro nazista Joseph Goebbels.

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), pelo Twitter, pediu a demissão do secretário especial de Cultura, Roberto Alvim. “O secretário da Cultura passou de todos os limites. É inaceitável. O governo brasileiro deveria afastá-lo urgente do cargo”, escreveu Maia.

A Secretaria de Cultura, mais cedo, havia anunciado o Prêmio Nacional das Artes em um vídeo protagonizado pelo próprio Alvim com paráfrases a discursos do Ministro de Propaganda nazista Joseph Goebbels.