Prisão

PC prende suspeito de roubo de cargas; prejuízo às empresas supera R$ 25 milhões

Homem é investigado por falsificação ideológica, uso de documento falso e tráfico de drogas. Polícia Rodoviária Federal participou da operação


Fabricio Moretti
Do Mais Goiás | Em: 28/06/2019 às 17:23:06

Suspeito foi preso após investigações da Polícia Civil (Foto: Reprodução)
Suspeito foi preso após investigações da Polícia Civil (Foto: Reprodução)

Na madrugada desta sexta-feira (28) a Polícia Civil (PC) prendeu em flagrante Wanderson Gonçalves da Silva, 28 anos, suspeito de falsificação ideológica e uso de documento falso. Segundo a PC, Wanderson pertence a uma quadrilha responsável por mais de trinta roubos de cargas em rodovias no trecho entre os municípios de Anápolis e Alexânia. Com os roubos, estima-se que os prejuízos causados às empresas supera o valor de R$ 25 milhões.

A corporação informou que Wanderson é investigado há mais de um ano e também é suspeito de tráfico de drogas, principalmente pasta base de cocaína trazida da Bolívia e do Paraguai e redistribuída em Goiás e no Distrito Federal.

“Durante dois dias das investigações, Wanderson chegou a empreender fuga, mas foi preso pelos policiais. Seus documentos e veículos, ambos adulterados, foram apreendidos. O prejuízo causado pela organização às transportadoras já ultrapassa a cifra de R$ 25 milhões”, lê-se na ocorrência.

Participaram da operação a Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas (Decar) e a Polícia Rodoviária Federal (PRF). A Decar já protocolizou em juízo pedidos cautelares para o perdimento de bens e valores pertences a Wanderson Gonçalves.