Estelionato

PC prende em Quirinópolis homem que oferecia falsas oportunidades de emprego no exterior

De acordo com a polícia, o suspeito cobrava das vítimas valores adiantados para dar prosseguimento ao processo e deixava de manter contato depois que era pago




A Polícia Civil de Quirinópolis, com apoio da Polícia Militar, prendeu na noite desta quarta-feira (19) um homem suspeito de ludibriar pessoas em busca de emprego. Edivair Martins da Silva, segundo as investigações, oferecia falsos empregos com alta remuneração no exterior.

De acordo com a polícia, o suspeito cobrava das vítimas valores adiantados para dar prosseguimento ao processo. Quando eram pagos, ele deixava de manter contato, chegando a ameaçar de morte quem o cobrasse.

Até o momento, foram identificadas mais de 30 vítimas do golpe, nos estados de Goiás, Pará, Mato Grosso e São Paulo. No total, elas teriam sido lesadas em mais de R$ 150.000,00.

As vítimas chegaram a criar um grupo de “WhatsApp” chamado “Honduras só que não”, em referência a um dos países para os quais eram prometidas vagas. O suspeito encontra-se recolhido, à disposição do Judiciário.

A Polícia Civil solicita que outras vítimas deste golpe procurem a Delegacia de Polícia de Quirinópolis ou a Delegacia mais próxima.