Decar

PC prende dois integrantes de quadrilha especializada em roubos de cargas da Souza Cruz

No total, o grupo investigado teria efetuado 15 roubos contra caminhões da Souza Cruz desde março, provocando prejuízos de mais de R$ 2 milhões à empresa

Cidades



A Polícia Civil deteve nesta terça-feira (18) duas pessoas suspeitas de envolvimento com uma quadrilha especializada no roubo de cargas da empresa de cigarros Souza Cruz. As prisões de Arquimedes Estevam Barbacena Filho e Wander Júnior Francisco Machado foram efetuadas no âmbito da quarta etapa da Operação Tabacaria. Eles teriam participação ativa nos assaltos cometidos contra os caminhoneiros.

O delegado titular da Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas (Decar), Alexandre Bruno Barros, relata que as investigações sobre o caso começaram em março. “Nós identificamos 18 pessoas que participavam dos roubos e fizemos representações por medidas cautelares, entre elas a prisão preventiva”, afirmou.

Desde o início da operação, 12 pessoas foram presas, incluindo as detidas nesta terça. Segundo o delegado, as outras seis devem ser presas na última etapa da operação, a ser deflagrada ainda neste mês. Praticamente toda a quadrilha é originária de Goiânia, mas os roubos eram praticados em todo o Estado. As remessas costumeiramente eram encaminhadas à capital.

No total, o grupo investigado teria efetuado 15 roubos contra caminhões da Souza Cruz desde março, provocando prejuízos de mais de R$ 2 milhões à empresa.