Prisão

PC-DF prende médico suspeito de deformar pacientes em Goiânia e Brasília

Wesley Murakami está sendo conduzido à Capital Federal, onde será ouvido. Defesa revela ainda não saber motivos que levaram à detenção


Hugo Oliveira
Do Mais Goiás | Em: 21/12/2018 às 09:47:45

(Foto: reprodução/Facebook)
(Foto: reprodução/Facebook)

Delegado e agentes da Polícia Civil do Distrito Federal (DF) estiveram, nesta sexta-feira (21), na residência do médico Wesley Murakami, em Goiânia, para deter o profissional, acusado de deformar o rosto de pacientes em procedimentos estéticos. Neste momento, ele está sendo encaminhado para Brasília, onde será ouvido pelas autoridades. Porém, de acordo com a defesa, ainda não se sabe a razão da prisão.

“A família dele informou que o delegado esteve lá hoje cedo e que Murakami está sendo levado para Brasília. Também estou indo para lá para me inteirar e orientá-los da melhor forma possível”, afirma o advogado André Bueno.

Segundo informações da PC-DF, foram expedidos cinco mandados de busca e apreensão, além de três de prisão temporária, tanto contra o médico como para duas mulheres apontadas como suas funcionárias, uma delas de Brasília. Ambas já estão detidas. Buscas foram realizadas em dois consultórios do profissional em Goiânia e em Brasília.

O médico teve registro profissional suspenso pelo Conselho Regional de Medicina (Cremego) nesta semana.