Projetos

Patricia Poeta diz que caso ganhe programa solo na Globo não deixará ‘É de Casa’

Programa idealizado pela apresentadora ainda está sendo avaliado pela cúpula da emissora





//

Patrícia Poeta afirmou que caso o seu programa solo na Globo saia ainda esse ano, ela não deverá deixar de integrar o time de apresentadores do ‘É de Casa’, que estreia no dia 8 de agosto.

De acordo com a coluna Outro Canal, da ‘Folha de S. Paulo’, o programa idealizado pela apresentadora continua sendo avaliado pela cúpula da emissa, mas não tem nenhuma previsão de ir ao ar por enquanto.

A jornalista, que deixou a bancada do ‘Jornal Nacional’ em novembro do ano passado para se dedicar a um projeto indefinido no entretenimento, foi escolhida para dividir o palco do ‘É de Casa’, que irá ao ar das 9h ao meio-dia todos os sábado na Globo, com Cissa Guimarães, Zeca Camargo, André Marques, Tiago Leifert e Ana Furtado.

Recentemente, em entrevista à revista ‘Contigo!’, Patricia Poeta revelou que aproveitou esse tempo fora do ar para fazer aulas de dança. “Desde o início do ano, tenho feito aulas de samba. Uma vez por semana, eu e um grupo de amigas temos nos empenhado nesse desafio. Morando no Rio há nove anos, estava mais do que na hora de aprender, né?”, contou a jornalista que é casada com Amauri Soares, diretor de programação da TV Globo.

Além disso, Patricia fez questão de desmentir o boato de que havia brigado com William Bonner e, por isso, deixado a bancada do ‘Jornal Nacional’. “Bonner é um amigo! A minha decisão foi de caminho profissional mesmo, de investir naquilo que me desafiava mais. Queria ir atrás de um sonho muito antigo, que é de ser comunicadora”, explicou a gaúcha.