Do Mais Goiás

Passageiros de Wuhan serão monitorados três vezes por dia, garante governo

Em visita à Base Aérea de Anápolis, ministros da Defesa e da Saúde ressaltaram não irão expor a comunidade a nenhum risco

Passageiros de Wuhan serão monitorados três vezes por dia, garante governo
Passageiros de Wuhan serão monitorados três vezes por dia, garante governo

O grupo de 58 pessoas que virá de Wuhan para a Base Aérea de Anápolis será monitorado três vezes ao dia durante os 18 dias em que permanecerão em quarentena. A informação foi confirmada durante visita dos ministros da Defesa, Fernando Azevedo, e da Saúde, Luiz Henrique ao local onde os viajantes serão alojados.

A previsão é de que o grupo chegue na madrugada deste domingo (9) na base. Além dos 24 integrantes da tripulação, composta por 14 médicos, dois jornalistas e 8 tripulantes, virão 34 passageiros: sete crianças com idade entre 2 e 12 anos, quatro chineses casados com brasileiros e 23 brasileiros adultos.

Azevedo afirmou, também, que além do monitoramento diário, o hotel que receberá as pessoas foi adaptado para atender às exigências sanitárias nacionais e internacionais. Entre as mudanças estão a aquisição de novas fraldas, cortinas, roupas de cama e berço, por exemplo.

“Não vamos expor a comunidade a nenhum risco”, afirmou o ministro da Saúde. “São pessoas assintomáticas, com prováveis exames negativos. Todos usarão máscaras cirúrgicas a todo momento em que estiverem fora dos seus quartos.” O ministro afirmou também que o Ministério da Saúde já realizou treinamento com todos os profissionais que, eventualmente, tenham contato com as pessoas.

Foi informado  que os passageiros estão autorizados a se encontrar e interagir entre si durante o período que estiverem de quarentena. Eles também podem utilizar todas as redes sociais sem restrições. As visitas, entretanto, estão descartadas. Caso haja alguma alteração no estado de saúde de qualquer um deles, a pessoa será encaminhada para o Hospital de Base de Brasília.

Estrutura

Enquanto estiverem na quarentena, o grupo também terá acesso a uma estrutura de lazer. Além das seis refeições diárias, serão disponibilizados videogame, brinquedoteca, jogos, biblioteca e apresentação de bandas militares.

Todos também terão Internet, TV a cabo, frigobar e geladeira sem itens alcoólicos, além de apoio psicológico e pedagógico, emergência odontológica e serviço religioso.

O Ministro ressaltou, entretanto, que a estrutura disponibilizada não afeta a segurança sanitária da quarentena. “Não há nada colocado na estrutura que comprometa a segurança no aspecto sanitário. O que temos é o perfeito equilíbrio entre o que pode ser oferecido em termos de acolhimento dignidade, entretenimento e distração. Mas a premissa número 1 são os padrões sanitários nacionais e internacionais”, concluiu