RELIGIÃO

Papa casa comissários de bordo em voo a mais de 11 mil pés de altura

Pela primeira vez na história da Igreja Católica Apostólica Romana, um pontífice celebra casamento dentro de uma aeronave


Jairo Menezes
Do Mais Goiás | Em: 18/01/2018 às 19:16:36

(Divulgação: Vatican Press)
(Divulgação: Vatican Press)

Os comissários de voo Carlos Ciuffardi, de 41 anos, e Paola Podest, de 39, trabalhavam no avião que levou o papa Francisco Santiago até a cidade de Iquique. O próprio Francisco perguntou se os dois queriam que ele os casasse. É a primeira vez que um matrimônio é celebrado dentro de um avião. Os dois haviam se casado apenas no civil e tinham a intenção de fazer o casamento religioso.

Os dois disseram que a cerimônia religiosa não aconteceu porque o templo foi destruído pelo terremoto que atingiu o país em 2010. Segundo o porta-voz do Vaticano, Greg Burke, o papa perguntou: “Querem que eu case vocês?”, ele foi respondido por um “Aqui?”.

Um terceiro funcionário da empresa foi a testemunha. A ata do casamento foi assinada por um bispo chileno que também estava a bordo. O para assinou somente com um “Francisco”, e segundo o porta-voz do Vaticano, o casamento é válido e oficial.

(Divulgação: Vatican Press)