Corrupção

Operação prende vereadores e secretários em Araguapaz

Estão sendo cumpridos mandados judiciais de prisão e busca e apreensão na casa dos investigados e na Câmara Municipal


Jessica Santos
Do Mais Goiás | Em: 17/09/2019 às 10:14:33

Áudios divulgados pela PC mostram a negociação de propina feita entre vereadores e o ex-prefeito de Araguapaz, José Segundo Rezende Júnior. (Foto: Reprodução)
Áudios divulgados pela PC mostram a negociação de propina feita entre vereadores e o ex-prefeito de Araguapaz, José Segundo Rezende Júnior. (Foto: Reprodução)

Uma operação conjunta entre as Polícias Civil, Federal e Militar prendeu seis vereadores e secretários de Araguapaz por corrupção ativa e passiva, além de falsidade ideológica. As prisões ocorreram na manhã desta terça-feira (17), no município citado.

Estão sendo cumpridos mandados de prisão e busca e apreensão na casa dos investigados e na Câmara de Araguapaz. Em nota, a Polícia Civil (PC) informou que o número final de mandados cumpridos será divulgado “em momento oportuno”.

As diligências continuam sendo realizadas com o objetivo de apurar crimes de associação criminosa, corrupção ativa e passiva e falsidade ideológica. Os presos serão trazidos para Goiânia ainda nesta terça-feira (17).

Errata

O Mais Goiás informa que o ex-prefeito do município de Araguapaz, José Segundo Rezende Júnior, não foi preso na referida operação conforme noticiou anteriormente. A esposa dele e também ex-gestora da cidade, que teve o mandato cassado em agosto de 2019, Marcia Bernadino, também não é alvo da ação policial.