FolhaPress

Olivia Rodrigo estreia álbum ‘Sour’ no topo da Bilboard; ouça

No Reino Unido, a cantora conquistou recorde de streaming de todos os tempos no Official Chart U.K

Casa Branca recruta Olivia Rodrigo para incentivar vacinação de jovens Olivia Rodrigo é acusada de plágio por Courtney Love Sour Olivia Rodrigo estreia álbum 'Sour' no topo da Bilboard; ouça
(Foto: Divulgação)

A cantora Olivia Rodrigo, 18, estreia seu primeiro álbum de carreira “Sour” batendo recordes e no topo da Billboard 200, com 295 mil unidades conquistadas somente nos Estados Unidos.

Na primeira semana de lançamento, o CD da cantora recebeu o certificado de Ouro da RIAA, programa de premiação para álbuns que vendem um grande número de cópias.

Para se ter uma ideia do sucesso da artista, a faixa “Good 4 u”, terceira do single, acumulou 108 milhões de streams de áudio globais e 43 milhões de streams de vídeo globais em sua primeira semana.

“Sour” também obteve o maior número de streams de áudio nos Estados Unidos em um álbum de estreia feminino de todos os tempos e quebrou o recorde de mais transmitido em uma semana por uma artista feminina na história do Spotify, com mais de 385 milhões de streams globais.

No Reino Unido, a cantora conquistou recorde de streaming de todos os tempos no Official Chart U.K e alcançou o topo das paradas nesta semana. Ela se tornou ainda a artista solo mais jovem a alcançar o Official Chart Double, liderando o primeiro lugar das paradas de single com “Good 4 u”.

No Brasil, o CD de estreia da artista atingiu a Certificação Ouro e ficou em primeiro lugar no Spotify. A faixa “Good 4 u” conquistou a 3ª posição e todas as 11 faixas do álbum ficaram entre as 125 mais ouvidas da plataforma desde o dia do lançamento.

Olivia Rodrigo já é a artista internacional mais ouvida no Top 200 do Spotify em 2021, incluindo homens e mulheres, e com maior número de faixas em um mesmo dia. Na Apple Music, o álbum também ficou em primeiro lugar e todas as suas 11 faixas estiveram simultaneamente no Top 20.

O álbum entrou ainda no topo das paradas no Canadá, Irlanda, Noruega, Holanda, Suécia, Austrália e Nova Zelândia.

Considerada uma espécie de herdeira de Taylor Swift, Olivia Rodrigo, tem impressionado os céticos com os números de “Sour”, seu disco de estreia. Para entender o que faz de Rodrigo um fenômeno em meio a tantas outras cantoras teen é bom saber um pouco sobre sua vida amorosa.

Tudo começa com o lançamento da série “High School Musical: A Série: O Musical”, spin-off de “High School Musical”; na produção, Olivia interpreta a protagonista, que tem um romance com o personagem vivido pelo cantor Joshua Bassett -e, seguindo a fórmula das estrelas teen da Disney, é claro que o relacionamento não ficou somente na ficção.

O mesmo lenga-lenga que aconteceu com a dupla Zac Efron e Vanessa Hudgens, o Troy Bolton e Gabriella Montez da primeira versão de “High School Musical”, em 2006, está de volta. A diferença é que, se à época da série original não era tão claro o que acontecia nos bastidores, as novas estrelas da Disney deixam o relacionamento às claras nas letras de suas músicas.

Rodrigo e Bassett nunca assumiram, de fato, um relacionamento. Ainda assim, os fãs não deixaram de notar que a letra de “drivers license” narra a história de uma menina que havia sido trocada por outra. Depois de uma investigação, os fãs concluíram que essa pessoa seria a atriz e cantora Sabrina Carpenter.

Não deu outra: o triângulo amoroso virou pauta nas principais rodinhas virtuais dos fãs de música pop. Bassett lançou sua música, assim como Carpenter.

Todas supostamente sobre o mesmo tema. Enquanto cada um contava seu lado da história, a voz de “Good 4 u” alcançava números impressionantes para alguém que, até então, era desconhecida do grande público.

No disco “Sour”, lançado no dia 21 de maio, a diva pop em ascensão continua a contar a sua história de traição, desilusão e mágoa.

Filha desmente que Kim Kardashian ouve Olivia Rodrigo; LEIA