MUDANÇAS

Obras do BRT interditam a Av. Independência a partir desta terça (8); veja

Interdições vão ocorrer no sentido Leste/Oeste e Oeste/Leste e devem durar 60 dias


Jessica Santos
Do Mais Goiás | Em: 08/09/2020 às 10:01:31

A Av. Independência, em Goiânia, será interditada a partir desta terça-feira (8), no trecho entre a Rua 68 e a Av. Goiás (Foto ilustrativa/Prefeitura de Goiânia)
A Av. Independência, em Goiânia, será interditada a partir desta terça-feira (8), no trecho entre a Rua 68 e a Av. Goiás (Foto ilustrativa/Prefeitura de Goiânia)

A Avenida Independência, em Goiânia, está interditada desde as 8h da manhã desta terça-feira (8), no trecho entre a Rua 68 e a Av. Goiás. O bloqueio ocorre em razão das obras do BRT, que serão realizadas – no local, em duas etapas de 30 dias cada. Alterações vão ocorrer no sentido Leste/Oeste e Oeste/Leste.

Segundo informações da Secretaria Municipal de Trânsito, Transportes e Mobilidade (SMT), a primeira interdição vai ocorrer no sentido Leste/Oeste (Vila Nova – Centro). Assim, o motorista terá que fazer o contorno na Praça do Trabalhador até retomar a circulação normal pela Av. Independência.

Nesta primeira etapa, não haverá desvios para o motorista que segue no sentido Oeste/Leste, do Centro ou de Campinas e região em direção à Vila Nova. Veja:

(Foto: divulgação/SMT)

A SMT informou ainda que, após a finalização do primeiro trecho, a pista será liberada e servirá de desvio apenas para os condutores que seguem no sentido Oeste/Leste, do Centro ou de Campinas e região em direção ao Setor Vila Nova.

Aqueles que seguem no sentido contrário, da Vila Nova para o Centro ou Campinas, continuarão o fluxo realizando o contorno pela Praça do Trabalhador. O segundo trecho também deve durar 30 dias, totalizando 60 dias de intervenção. (Confira abaixo).

“O pedido é para que o motorista evite trafegar pela região. Se não for possível, use os aplicativos de trânsito, faça um planejamento do seu trajeto e leve em consideração o tempo hábil e seguro para a sua locomoção. Na pista fique atento aos limites de velocidade e às placas de sinalização e de desvios”, disse Horácio Mello, titular da SMT.

(Foto: divulgação/SMT)