No reencontro com torcida, Vila Nova decepciona e apenas empata com Confiança

Tigre perde muitas chances, especialmente no segundo tempo, e não sai do zero diante de clube sergipano.

Tiago Real lamenta Vila Nova
Foto: Heber Gomes

O aguardado retorno aos estádios não foi da forma esperada pelos colorados. Após mais de 18 meses sem ver o Vila Nova de perto, os torcedores deixaram o Onésio Brasileiro Alvarenga bastante decepcionados, após o empate em 0 a 0 do Tigre com o Confiança, na noite desta terça (21).

Com a igualdade, o Vila Nova chega aos 27 pontos, agora na 15ª posição, mas sem conseguir se distanciar da faixa de rebaixamento. O Tigre volta a campo contra o rival Goiás – atual vice-líder -, na sexta-feira, 19h, na Serrinha.

Agora com 18 pontos, o Confiança segue em penúltimo lugar. O próximo compromisso será contra o Operário/PR, em casa, no sábado, 17h30.

Como foi o jogo entre Vila Nova e Confiança?

A primeira etapa não teve muitas emoções. Apesar de ser um jogo bastante corrido, os times pouco produziram, de fato. As raras finalizações perigosas foram de Rafael Donato, em cabeçada na área, e Willians Santana, em chute de longe.

O segundo tempo teve o Vila Nova mais ofensivo e com muito ímpeto nos primeiros minutos. Após Clayton errar finalização na área logo no começo, Donato recebeu passe na área e finalizou carimbando Rafael Santos, aos 8. Em seguida, foi a vez de Alesson carimbar o travessão em chute de fora da área.

Após o Confiança equilibrar a partida e rondar a área colorada, o Tigre foi para a pressão na parte final do confronto. Teve chances com João Pedro, Alan Grafite e Pedro Júnior, mas seguiu pecando nos arremates. A grande oportunidade, inclusive, foi de Grafite, quando arrancou livre, mas se embaraçou com a bola e, ainda assim, viu Bocão mandar contra o patrimônio, pertinho da trave.

Ficha técnica:
Vila Nova 0 x 0 Confiança

25ª rodada da Série B
Data: 21/09/2021
Horário: 21h30
Estádio: Onésio Brasileiro Alvarenga, em Goiânia

Arbitragem: Diego da Costa Cidral (SC); Johnny Barros de Oliveira (SC) e Gizeli Casaril (SC)
VAR: Rafael Traci (SC) – FIFA

Cartões amarelos: Bruno Collaço, Deivid (VIL); Álvaro, Adalberto, Willians Santana (CON)

Vila Nova: Georgemy; Moacir, Renato, Rafael Donato e Bruno Collaço (Willian Formiga); Deivid, Arthur Rezende (Alan Grafite) e Tiago Real (João Pedro); Kelvin (Nico Maná), Clayton (Pedro Jr) e Alesson.
Técnico: Higo Magalhães

Confiança: Rafael Santos; Jonathan Bocão, Nirley, Adalberto e João Paulo; Madison, Jhemerson e Álvaro (Rafael Vila); Willians Santana (Neto Berola), Tiago Reis (Lohan) e Ítalo Melo (Luidy).
Técnico: Luizinho Lopes