Celebridades

No ‘Encontro’ Gusttavo Lima fala sobre machismo e depressão

Nesta segunda-feira (29), além de cantar, o músico falou que seu filho usará a cor que quiser quando nascer e que, quando esteve doente, perdeu a vontade de cantar


Murillo Soares
Do Mais Goiás | Em: 29/05/2017 às 17:43:17

"Não tava tendo nem mais tesão para cantar", revelou o cantor (Foto: Reprodução/TV Globo)

Gusttavo Lima foi um dos convidados do Encontro com Fátima Bernardes desta segunda-feira (29). Além de cantar, o músico falou um pouco sobre sua vida pessoal. Casado com Andressa Suita, com quem espera seu primeiro filho, o sertanejo fez comentários contrários ao machismo.

O assunto era se meninos podem ou não brincar de boneca. Lima respondeu que seu filho, Gabriel, terá liberdade para brincar com o que quiser. “Essa liberdade de escolha já vem da pessoa, já nasce com ela”, comentou Gusttavo. “A Andressa com certeza vai ser uma mãe incrível, vai cuidar dele com muito amor e muito carinho”.

Depressão

O sertanejo também falou sobre seu diagnóstico de depressão há alguns anos. “É algo muito complexo. Você tenta digerir, tenta saber o que está acontecendo com você mesmo, e não se encontra. Acaba batendo tristeza, você para baixo o tempo todo. A melhor forma de superar isso é estar perto da minha família, das pessoas que eu amo”, disse.

Em seguida, complementou: “Terminava o show no domingo, saía correndo pra fazenda dos meus pais, ficava lá o resto da semana até quinta-feira. Não tava tendo nem mais tesão para cantar. Era meio que um negócio de ‘trabalho’, mesmo. Perdi minha irmã em 2012, nem pude estar no velório dela… Foram muitas coisas que foram influenciando”. (Com Estação)