Televisão

Netflix demite Kevin Spacey

Com saída do ator sob acusações de assédio, futuro de House of Cards continua incerto


Jose Abrão
Do Mais Goiás | Em: 04/11/2017 às 14:28:18

(Divulgação)
(Divulgação)

A Netflix demitiu Kevin Spacey no final desta sexta-feira (3). Segundo o THR, via release, a empresa declarou que não vai mais fazer qualquer tipo de produção envolvendo o ator, acusado de assédio sexual por oito membros da produção de House of Cards e também pelo ator Anthony Rapp, de Star Trek: Discovery.

O canal cancelou o lançamento do filme Gore, já rodado e em pós-produção, que trazia Spacey no papel principal de Vidal Gore. “Nós não estaremos mais envolvidos em qualquer produção de House of Cards que envolva Kevin Spacey”, declarou o canal.

A MRC, produtora responsável por House of Cards suspendeu o ator e o futuro da sexta temporada do drama político é incerto. Ainda de acordo com o THR, membros da produção informaram que as gravações foram suspensas por duas semanas.

Ainda segundo fontes próximas à gravação, a MRC e a Netflix estão retrabalhando a sexta temporada para que ela seja a última e para que o personagem de Spacey, o protagonista Frank Underwood, morra, passando o foco dos últimos episódios para sua esposa, Claire, vivida por Robin Wright.

Para a sorte do canal, as gravações ainda estavam no segundo episódio e os roteiros da temporada não estavam finalizados, dando à produtora e ao serviço de streaming a chance de reorganizar a série.