Alexandre Bittencourt
Alexandre Bittencourt
Do Mais Goiás

Na alegria e na dor: casal que se separou terá que dividir multas de trânsito

Multas foram aplicadas ao Del Rey 1989 que Ângela dos Santos e Edvaldo Barbosa dirigiam em Piranhas

Depois de 17 anos juntos, Edvaldo de França Barbosa e Ângela Maria Pereira dos Santos não só encerraram uma longa história de amor como levaram-na a juízo na comarca de Piranhas, município do interior de Goiás. 

Ângela e Edvaldo brigam pela divisão do patrimônio que construíram juntos. Mas não só isso: o desentendimento acirrou-se a tal ponto que a ex-esposa provocou o juiz para que dividisse também as duas multas de trânsito aplicadas ao Del Rey 1989 que eles dirigiam. O juiz Jesus Rodrigues Camargos, em sentença publicada no dia 16 de abril, acatou o pedido. Cada um terá de pagar metade do valor. 

O Del Rey, pelo que consta nos autos, não existe mais. Ângela o acusa de tê-lo “destruído”. Diz também que Edvaldo deu sumiço em uma motocicleta Honda CG 150, um bezerro, 20 porcos, seis carneiros e 1 cavalo. De todo modo, o juiz determina que o valor destes bens seja fixado por arbitramento na fase de execução da sentença. 

A extensa negociação de partilha envolveu também uma moto Honda Bros ES 2017, uma geladeira, uma cama, um fogão e um freezer constantes na residência do casal, além do próprio imóvel, que fica em Piranhas. 

Por fim, como não poderia deixar de ser: os gastos com honorários advocatícios na ação também foram divididos ao meio.