Caso Mutirama

Mutirama continua fechado por tempo indeterminado, diz secretário

Treze pessoas ficaram feridas em um acidente no parque no dia 26 de julho. Após investigação, três pessoas foram indiciadas


Karla Araujo
Do Mais Goiás | Em: 27/10/2017 às 17:11:15

O acidente aconteceu no dia 26 de julho e deixou 13 feridos. (Foto: Corpo de Bombeiros)
O acidente aconteceu no dia 26 de julho e deixou 13 feridos. (Foto: Corpo de Bombeiros)

Com nova visita de uma equipe da Polícia Civil marcada para a próxima semana, o Parque Mutirama ainda não tem data para ser reaberto. Segundo o titular da Agência Municipal de Turismo, Eventos e Lazer (Agetul), Alexandre Magalhães, em cerca de 15 dias a pasta será capaz de programar quando o parque deve abrir as portas novamente. “Tem muita coisa a ser resolvida ainda”, disse o secretário em entrevista ao Mais Goiás.

O Mutirama foi fechado no dia 26 de julho, após um acidente no brinquedo Twister deixar 13 pessoas feridas. A decisão foi tomada pelo prefeito de Goiânia, Iris Rezende (PMDB). O acidente no parque aconteceu por volta das 13h30. As treze vítimas foram atendidas pelo Corpo de Bombeiros e pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levadas para hospitais da Capital.

A Polícia Civil, por meio do 1º Distrito Policial de Goiânia, investigou o acidente no Parque. Com a conclusão do inquérito, três pessoas foram indiciadas. Devem responder pelo crime de lesão corporal o ex-engenheiro do parque, José Alfredo Rosendo, o presidente da Agência Municipal de Turismo e Lazer, Alexandre Magalhães e o supervisor do parque, Wanderley Alves Siqueira.