Violência

Mulher é presa após confessar ter matado o marido com um golpe de machado, em Santo Antônio de Goiás

Segundo informações da Polícia Militar, a mulher confessou aos policiais ter matado o marido depois de uma discussão entre o casal no mês de dezembro.


Altemar Santos
Do Mais Goiás | Em: 04/02/2018 às 10:26:28

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Uma mulher foi presa na noite de sábado (3), após confessar a polícia ter matado o próprio marido com um machado, em Santo Antônio de Goiás, cerca de 29 quilômetros de Goiânia. A Polícia chegou até ela, depois que a mãe da vítima procurou a delegacia para registrar o desaparecimento do filho. A mulher confessou aos policiais ter matado o marido depois de uma discussão entre o casal no mês de dezembro.

Após a mãe da vítima registrar o boletim de ocorrência, os policiais foram até a casa onde ele morava, no Setor Vila Campos, em Santo Antônio de Goiás, e chegando lá encontraram com a sua esposa, Marilda Rita dos Santos, que disse aos policiais que seu marido, Francisco Dias Chagas, de 41 anos, teria se mudado para o interior depois de uma briga do casal. Mas os policias observaram que as informações eram confusas, e ao perguntar novamente, a mulher acabou confessando ter matado o marido.

Segundo a polícia, o crime aconteceu no dia 2 de dezembro do ano passado. Após uma briga, a mulher pegou um machado e acertou na cabeça da vítima. Ela ainda colocou o corpo sentado em uma cadeira na garagem de casa e ligou para seu ex-marido, Deusdeth Lima Cardel, e para o seu filho, Victor Santos Cardeal, para que ajudasse a esconder o corpo. Com a ajuda do ex-marido e do filho, ela jogou o corpo do homem em uma cisterna de uma casa abandonada, que fica na zona rural da cidade.

Marilda levou os policias até o local e lá eles encontraram o corpo enrolado em uma lona. A polícia foi até a casa do ex-marido e do filho e fizeram a prisão. Os três foram levados para a delegacia de polícia da cidade e apresentado para o delegado plantonista.