Recheio alucinante

Mulher é presa ao tentar entrar com linguiça recheada de maconha em presídio de Anápolis

Porções de maconha iriam ser entregues ao marido da mulher, que está preso no local. Ela foi presa e está proibida de entrar na unidade por tempo indeterminado


Da Redação
Do Mais Goiás | Em: 08/08/2019 às 11:32:22

Droga estava escondida dentro de linguiça (Foto: Divulgação/DGAP)
Droga estava escondida dentro de linguiça (Foto: Divulgação/DGAP)

Uma mulher foi presa, nesta quarta-feira (7), ao tentar entrar com uma linguiça recheada com maconha no presídio de Anápolis, a 55 quilômetros de Goiânia. Segundo a Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP), o entorpecente seria entregue ao marido da mulher, que está detido na unidade.

Ainda de acordo com o órgão, agentes plantonistas realizavam os procedimentos de rotina, quanto constataram uma porção de linguiça no meio dos alimentos. Este, porém, tem entrada proibida na unidade. Após inspecionarem a comida, agentes encontraram porções de substância análoga à maconha. Ao ser indagada, a mulher confirmou que se tratava da droga.

A mulher foi submetida a exames clínicos e, na sequência, encaminhada à delegacia para os procedimentos legais. A DGAP informou que a direção da unidade abriu um procedimento administrativo para averiguar o caso. A mulher está proibida de entrar no local por tempo indeterminado.