Mulher é flagrada tentando entrar com drogas nas partes íntimas na CPP de Aparecida de Goiânia

A droga foi descoberta durante procedimento de revista pessoal e a mulher foi encaminhada para a Delegacia de Polícia


Artur Dias

Do Mais Goiás | Em: 18/03/2019 às 16:43:59


(Foto: Divulgação/DGAP)
(Foto: Divulgação/DGAP)

Uma mulher foi presa em flagrante no último domingo (17)  ao tentar entrar com entorpecentes na Casa de Prisão Provisória (CPP) de Aparecida de Goiânia. Ela é irmã de um reeducando e tentava passar pela segurança com maconha e crack escondidos nas partes íntimas.

De acordo com informações da Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP), o crime aconteceu por volta das 10 horas. O material foi encontrado durante o procedimento de revista pessoal. Para localizar a droga, foi utilizado um body scanner, que mostrou que ela estava com a droga escondida na genitália.

A mulher, Francisca Marconiza Marques da Silva, foi questionada pelos agentes prisionais e confessou o crime. Ela foi encaminhada ao banheiro para que pudesse retirar a droga. Em seguida, foi conduzida para a delegacia de polícia para que fosse lavrado o auto de prisão em flagrante

A direção da CPP instaurou um procedimento administrativo interno para apurar o caso.

(Foto: Divulgação/DGAP)