Do Mais Goiás

Mulher diz ter sido abusada por fantasma viciado em sexo

Em um certo momento, o órgão sexual do fantasma chamado Mark foi supostamente fotografado por Deborah

//
//

Um casal de britânicos que vive em Londres, na Inglaterra, afirma que um fantasma viciado em sexo quase acabou com o casamento de 23 anos.

Segundo informações do jornal britânico ‘Mirror’, Deborah Rawson, 48 anos, garante que sofreu abuso e perseguição sexual de um fantasma, dentro de sua casa. O caso gerou diversas brigas entre o casal londrino, que – após tentativas aparentemente falhas de exorcismo – decidiu mudar de casa.

De acordo com Deborah, em uma tarde do ano passado, ela tinha acabado de limpar a casa e, cansada, sentou-se em uma cadeira. Neste momento, ela viu três fantasmas: um homem de cerca de 30 anos, uma mulher da mesma idade e uma criança pequena. Os três desapareceram rapidamente.

Em um certo momento, o órgão sexual do fantasma chamado Mark foi supostamente fotografado por Deborah (Foto: Reprodução)Nos dias seguintes, Deborah teria sentido uma respiração ofegante em seu pescoço e um corpo masculino lhe tocando. Após avisar o marido, começou a fazer terapia e a tomar remédios antidepressivos.

A vítima diz ainda que teria perguntado quem estava ali com ela. “Mark está te tocando, eu sou Claire”, disse uma voz feminina, segundo a britânica. O casal de fantasmas também teria feito sexo em diversos pontos da casa, diz Deborah, que ouvia gemido e barulhos suspeitos constantemente.

Ainda de acordo com Deborah, o fantasma chamado Mark a procurava durante o dia e durante a noite, mesmo quando seu marido estava em casa. Em um certo momento, o órgão sexual de Mark foi fotografado por Deborah.

Assustados, o casal chamou um exorcista, que tentou espantar os supostos visitantes, mas não teve sucesso. Há alguns meses, o casal comprou outra casa e se mudou. Desde então, Deborah garante que não teve mais contato físico ou visual com Mark. “Estou feliz de estar livre do meu fantasma viciado em sexo”, disse ela.