Crimes contra mulheres

MP-GO oferece sexta denúncia contra o suposto serial killer

A denúncia oferecida contra Tiago Henrique Gomes da Rocha pelo crime de homicídio qualificado praticado contra Juliana Neubia Dias, ocorrido em 25 de julho de 2014





//

O promotor de Justiça Maurício Gonçalves de Camargo ofereceu denúncia contra Tiago Henrique Gomes da Rocha pelo crime de homicídio qualificado praticado contra Juliana Neubia Dias, ocorrido em 25 de julho de 2014. Esta é a sexta denúncia por homicídio oferecida pelo MP contra o vigilante.

De acordo com a denúncia, nesta data, Juliana estava com o namorado e uma amiga, num Pálio, transitando pela Avenida Mutirão, quando, por volta das 21 horas, Tiago os avistou e passou a seguir o veículo.

Quando o namorado da vítima parou no semáforo da Avenida Mutirão com a Avenida D, o vigilante parou ao lado do passageiro, posição ocupada por Juliana, desceu da moto e, sem tirar o capacete, deu dois tiros em direção ao vidro do carro, que estava fechado.

As balas passaram pelos vidros laterais da porta atingindo a vítima na região da orelha e do pescoço. Na sequência, Tiago deixou o local em sua moto.

Para o MP, o crime foi praticado por motivo torpe, decorrente da satisfação mórbida de prazer que o denunciado nutria ao matar pessoas, escolhendo suas vítimas aleatoriamente, fato por ele próprio confessado.

Ficou também evidenciada a qualificadora do recurso que dificultou ou impossibilitou a defesa de Juliana, uma vez que ela foi abordada de surpresa pelo denunciado, que atirou contra o vidro fechado do carro, atingindo-lhe mortalmente.

Tópicos