Motorista envolvido em acidente no Setor Vera Cruz II teria ingerido bebidas alcoólicas

Homem de 25 anos teria saído de casa após ter um desentendimento com o pai. No acidente, um homem de 45 anos não resistiu aos ferimentos e morreu no local

A Delegacia Especializada em Crimes de Trânsito de Goiânia (Dict) coletou, nesta segunda-feira (8), imagens que podem ajudar a esclarecer as circunstâncias do acidente ocorrido no Setor Vera Cruz 2, em Goiânia, na noite de sábado (6). Na ocasião, o motorista de um Montana morreu após ter o veículo atingido por um Palio.

As imagens mostram o momento em que o Montana trafega normalmente pela Avenida Gercina Borges Teixeira. De repente, quando passava por uma rotatória, o carro é atingido por um Palio em alta velocidade que vinha pela mesma via, na mesma direção. Como resultado da colisão, Carlos Antônio Rocha, de 45 anos, morreu na hora. Jardel Francisco Lima Ribeiro, de 25 anos, motorista do Palio, está internado em estado grave no Hospital de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol).

A delegada Nilda Andrade afirma que o caso está praticamente esclarecido, mas que ainda falta realizar oitivas com testemunhas e com o próprio Jardel, o que deve ocorrer quando ele deixar o hospital. Apesar disso, ela diz ter conversado com o irmão dele, que contextualizou os momentos prévios ao acidente. “Ele contou que Jardel teve um desentendimento com o pai e saiu com o carro. Como ele saiu de casa nervoso e teria inclusive ingerido bebidas alcoólicas, o irmão foi atrás e chegou ao local do acidente antes mesmo do socorro”, relatou a delegada.

Nilda ressaltou também que não há suspeita de que o acidente ocorreu durante uma disputa de racha. “Inclusive o Jardel morava perto do local do acidente. Ele nem teria tido tempo de marcar um racha com alguém por ali”, destaca.

Ainda não há previsão de quando as oitivas devem começar.