Do Mais Goiás

Motorista embriagado tenta atropelar policial e é preso em Anápolis

Polícia Militar teve que atirar nos pneus

Na noite de quinta-feira (3), um homem que dirigia embriagado tentou atropelar um policial militar no bairro Jundiaí, em Anápolis a 59,3 km de Goiânia. O suspeito trafegava em alta velocidade, desobedeceu à ordem de parada dos policiais, tentou fugir, mas foi alcançado. Os agentes desceram da viatura. Para escapar, o investigado engatou a marcha à ré e tentou atropelar um dos militares. - Homem embriagado tenta atropelar PM e é preso em Anápolis
Homem embriagado tenta atropelar PM e é preso em Anápolis (Foto: Reprodução/Freepik)

Na noite de quinta-feira (3), um homem que dirigia embriagado tentou atropelar um policial militar no bairro Jundiaí, em Anápolis, a 59,3 km de Goiânia. O suspeito, segundo a polícia, trafegava em alta velocidade e desobedeceu à ordem de parada dos agentes.

Foi informado, ainda, que, durante a tentativa de fuga, o suspeito foi alcançado, mas quando os agentes desceram da viatura, ele engatou a marcha ré e tentou atropelar um dos militares para escapar.

Conforme consta no relato policial, a ação foi impedida porque o policial atirou nos pneus do veículo do suspeito. Após o automóvel parar, a PM realizou a busca no carro, mas nada foi encontrado.

Aos militares, o homem confessou que havia ingerido bebida alcoólica. Ele foi encaminhado à Central de Flagrantes, depois realizou o exame clínico para detectar a ingestão de álcool, cujo resultado foi positivo.

Conduzir veículo automotor com capacidade psicomotora alterada em razão da influência de álcool ou de outra substância psicoativa, que determine dependência, é crime. A pena pode variar de seis meses a três anos de prisão, com multa e suspensão, ou proibição de se obter a permissão ou a habilitação para dirigir veículo automotor.

Casal gay que sofreu ameaças por causa de casamento tem a loja furtada em Anápolis; leia.