Motorista em fuga capota caminhonete na Av. Perimetral Norte; duas ocupantes morreram

Segundo a PM, o veículo fugiu durante uma tentativa de abordagem; o condutor possui registros por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo


Kayque Juliano
Do Mais Goiás | Em: 20/05/2019 às 08:46:00

Duas ocupantes do veículo morreram
(Foto: Divulgação/Dict)
Duas ocupantes do veículo morreram (Foto: Divulgação/Dict)

Um homem de 32 anos foi preso após capotar uma camionete durante uma perseguição policial na noite deste domingo (19), na Avenida Perimetral Norte, em Goiânia. No acidente, duas mulheres ocupantes morreram e uma terceira foi levada para o hospital em estado regular. O condutor, que possui ficha criminal por tráfico de drogas e porte e ilegal de arma de fogo, estava embriagado. O teste do bafômetro revelou uma quantia álcool pelo menos três vezes superior à permitida pela Lei Seca.

Segundo a Polícia Militar (PM), o condutor, em uma caminhonete S-10 trafegava pelas Ruas do Setor São Judas Tadeu, Norte da capital, em alta velocidade. A atitude levantou suspeitas e policiais em ronda pelas ruas do setor chegaram a dar ordem de parada ao motorista, mas este evadiu do local e foi perseguido pelos agentes.

Os militares pediam o apoio de outras viaturas quando foram informados por um transeunte de que uma caminhonete havia capotado na Avenida Perimetral Norte. Segundo registros da Delegacia Estadual de Investigação de Crimes de Trânsito (Dict), Lin Waner Garcia de Oliveira conduzia o veículo na companhia de três passageiras.

Nas proximidades da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), o condutor derivou o veículo para esquerda, perdeu o controle da direção, atravessou o canteiro central, desceu um barranco de 10 metros, chocou com algumas árvores e, em seguida, repousou próximo de uma residência. O impacto causou a morte de duas das ocupantes. Uma terceira foi levada pelos bombeiros ao Hospital de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol). A identidade das vítimas não foi divulgada.

O condutor, consciente, realizou o teste do bafômetro e foi constatada a embriaguez com teor alcoólico de 2.00 mg/l. Ele foi levado para o Hospital de Urgências de Goiânia (HUGO), onde ficou acompanhando por uma equipe da PM e será autuado em flagrante pela Dict. No local do acidente, a PM constatou que o homem possui antecedentes criminais por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fobo. A Dict investiga o acidente.

(Foto: Divulgação/ Dict)