PRF

Motorista é flagrado a 209 km/h na BR-060, próximo a Santo Antônio da Barra

Condutor vai ter que pagar multa e pode perder o direito de dirigir




A BR-060 já é palco constante de casos de imprudência e excessos de velocidade. Ainda assim, algumas situações continuam a chamar atenção. Um exemplo é o registro de um motorista flagrado a 209 km/h na via, cuja velocidade máxima permitida é de 110 km/h.

O caso aconteceu nesta quarta-feira (21) próximo a Santo Antônio da Barra, município que fica entre Rio Verde e Acreúna. O veículo em alta velocidade era um Hyundai Equus com placas de Uberlândia.

Até o momento, o motorista não foi identificado. Ainda assim, ele vai receber uma notificação no valor de R$ 880,41 e responderá a processo administrativo junto ao Detran, que pode culminar na suspensão de seu direito de dirigir por transitar com velocidade acima de 50% do permitido.

O Inspetor da Polícia Rodoviária Federal (PRF) Newton Morais afirma que flagras de carros transitando na via a 150 ou 160 km/h são comuns, mas o 209 km/h registrado nesta quarta é uma das maiores velocidades constatadas no local.

“Trata-se de uma infração considerada gravíssima, que acarreta multa e o proprietário do carro pode perder a carteira”, ressalta o inspetor. Segundo ele, naquele local a média de registros é de um veículo acima do máximo permitido por minuto. “De janeiro até agora são mais de 113 mil imagens de radar anotados por nós em Goiás”, salienta.

Tópicos