Thiago Burigato
Do Mais Goiás

Mistério em duplo homicídio na Avenida Rio Verde, em Aparecida

Vítimas usavam capacete, mas polícia não encontrou nenhuma moto perto delas

As polícias Civil e Militar têm poucas informações sobre um duplo homicídio ocorrido no final da noite desta quinta-feira (3) na Avenida Rio Verde, no Jardim Helvécia, em Aparecida de Goiânia. Apesar das vítimas estarem usando capacetes, nenhuma moto foi encontrada perto dos corpos.

A execução aconteceu pouco antes das 22h, e as vítimas, dois jovens do sexo masculino, foram mortos com disparos de arma de fogo: um foi alvejado no rosto, e o outro no tórax e na nuca. Apesar de estarem rente ao meio fio, os corpos foram encontrados distantes quase 50 metros um do outro.

Apenas uma das vítimas, que estava com a identidade no bolso, foi identificada. Lucas Danilo Farias Rodrigues, de 21 anos, segundo a polícia, já respondeu por crime de roubo a transeunte. Na cintura dele, os peritos encontraram um simulacro de pistola. A outra vítima, segundo os levantamentos iniciais, seria menor de idade.

Como nenhuma cápsula foi encontrada no local do crime, a suspeita é que o atirador tenha usado um revólver. Agentes do Grupo de Investigações de Homicídios (GIH) de Aparecida de Goiânia estiveram no local, e nesta sexta-feira (4) vão procurar por câmeras de segurança que possam ter flagrado o atirador, já que nenhuma testemunha presenciou a dupla execução.