CRIME BÁRBARO

Menor que queria arroz admite ter matado bisavó por lhe oferecer pão

Caso ocorreu em Caiapônia; adolescente de 17 anos foi apreendido. Após estrangular a idosa, ele ainda teria ateado fogo ao corpo


Jessica Santos
Do Mais Goiás | Em: 02/06/2020 às 12:17:47


A Polícia Civil (PC) apreendeu, na segunda-feira (1º), um adolescente de 17 anos suspeitos de matar a bisavó, 83, em Caiapônia. O motivo, segundo a corporação, teria sido uma discussão por comida. De acordo com informações da corporação, o rapaz queria comer arroz e ficou furioso quando a idosa lhe ofereceu pão.

Após estrangular a mulher, o menor ainda ateou fogo ao corpo da vítima. Ele confessou o crime. O caso aconteceu na noite do último domingo (31) quando o adolescente chegou na residência em que morava com a bisavó para tomar banho. À Polícia, o menor disse que iniciou discussão com a vítima pois queria comer arroz e a idosa ofereceu pão.

“Ele argumenta que, depois dessa briga, ficou furioso e começou a sufocar a vítima com as mãos. Depois, pegou um lençol e estrangulou a idosa. Quando constatou o óbito, ele jogou álcool e ateou fogo. Quando começou a queimar, ele mesmo apagou o fogo”, disse o delegado responsável pelas apurações, Ramon Queiroz.

Após o crime, o adolescente ainda estourou dois cofres em que a vítima guardava moedas e levou os valores que estavam dentro.

De acordo com Ramon, o menor veio do Mato Grosso, pois estaria envolvido com drogas e outros crimes. Ele foi apreendido e deve passar por audiência nesta terça-feira (2), que vai determinar a internação definitiva ou não do menor.