Cinema

Mel Gibson diz que filmes Marvel são mais violentos que seus filmes

Diretor é responsável por A Paixão de Cristo, Apocalypto e Coração Valente




Em entrevista ao Washington Post, o ator e diretor Mel Gibson disse que os filmes Marvel são mais violentos que qualquer um dos seus filmes. Palavras fortes vindo do homem por trás de O Patriota, Coração Valente, A Paixão de Cristo Apocalypto, alguns dos filmes mais sangrentos do cinema.

 

Inclusive, foi quando foi questionado sobre a violência em seus filmes que ele trouxe os da Marvel à tona: “Veja qualquer um deles. São mais violentos do que qualquer um dos que eu fiz. Nos meus filmes, você se importa com os personagens, então a violência significa alguma coisa”.

 

Para ele, toda a destruição dos filmes de super-herói é inconsequente. Segundo o Gamespot, esta não é a primeira vez que a estrela de Mad Max, O Troco e Máquina Mortífera critica filmes de super-heróis. Ao Deadline, ele disse que Batman V. Superman “foi uma m#rda” e que só gostou de alguns filmes, como Guardiões da Galáxia e do primeior Homem de Ferro.

 

Além disso, o ator negou o papel de Odin em Thor, que acabou ficando com Sir Anthony Hopkins. Atualmente, Gibson está sendo criticado pela violência em seu novo filme: Hacksaw Ridge, um drama brutal sobre a Segunda Guerra Mundial que conta a história real de Desmond Doss, um soldado evangélico dos EUA que era médico e passou por toda a guerra sem sequer segurar um fuzil.

 

Durante a batalha de Okinawa, Doss salvou 75 soldados sem disparar um tiro, recebendo a Medalha de Honra do Congresso por sua ação. O filme estreou com recepções mistas nos EUA e só chega ao Brasil no dia 12 de janeiro.