#ajudesofia

Médicos descobrem bactérias no pulmão de Sofia

Menina continua internada e entubada na UTI de hospital nos EUA.




 A menina Sofia Gonçalves de Lacerda, de um ano e sete meses que se recupera do transplante multivisceral de cinco órgãos do sistema digestivo teve seus exames avaliados na última quarta-feira (12/08).

De acordo com uma mensagem postada pela mãe da menina, Patrícia de Lacerda, nas redes sociais foram descobertas mais duas bactérias no pulmão. Além disso, os resultados mostram que a quantidade de vírus, motivo do qual ela foi internada, aumentou.

 

//

Boa noite anjinhos da Sofia!!!! A nossa bonequinha continua estável,ainda aguardando novos resultados dos exames, hoje…

Posted by Ajude a Sofia on Quinta, 13 de agosto de 2015

Em recente entrevista ao G1, o médico responsável pelo tratamento da Sofia disse que o vírus encontrado no organismo da menina é grave.  Segundo Rodrigo Vianna, o vírus, que é chamado de citomegalovírus (CMV), é o mesmo causador da catapora e das variações de herpes, e que está por todo o corpo da bebê.

“Ela está doente mesmo e é grave. A Sofia tem uma virose que nestes pacientes [se referindo a ela estar em fase pós-transplante] é muito perigosa e pode causar até a morte.”

Apesar da situação, o médico garante que os órgãos transplantados (intestino grosso e delgado [que inclui o duodeno]; fígado; pâncreas e estômago) estão perfeitos.

Tópicos