Eduardo Pinheiro
Do Mais Goiás

Medição de técnicos da Enel mostra que choque que matou motociclista veio de poste antigo

Poste de metal foi energizado por conta de fios ressecados e velhos, segundo o Corpo de Bombeiros

Homem morre após tomar choque ao tentar fugir de alagamento, em Goiânia

Medição de técnicos da Enel, empresa que explora a distribuição de energia em Goiás, realizada ainda na tarde de sexta-feira (15), mostra que o choque elétrico que resultou na morte do motociclista Antônio Gomes de Oliveira, 40, partiu de um poste de energia, no Setor Sul, em Goiânia. Até então, cogitava-se a possibilidade de a descarga ter partido da grade da Associação dos Subtenentes e Sargentos da Polícia Militar e dos  Bombeiros Militares de Goiás (Assego).

A avaliação dos bombeiros constatou que o poste de metal foi energizado por conta de fios ressecados e velhos. A distância entre o poste e a grade do clube é de aproximadamente 70 centímetros e ambos não se tocam. Ainda é possível ver a marca da enchente que tomou conta do local na hora do acidente.

O clube realiza adequações na calçada em que o motociclista buscou refúgio na hora da chuva. As modificações fazem parte da exigência para que os passeios públicos tenham piso tátil para pessoas com deficiência.

A advogada da Assego, Ana Caroline de Oliveira Ferreira, diz que as modificações realizadas pela entidade não afetaram o poste de energia. Segundo ela, para isso seria necessário pedir autorização da Prefeitura de Goiânia e da própria Enel, além de desligar toda a energia do quarteirão. A obra, de acordo com a advogada se limitou a realizar adequações na calçada.

Ana Caroline afirma ainda que a região é conhecida por ter alagamentos nos períodos de chuva e lamenta o acidente que vitimou Antônio. “Todo ano a mídia faz matérias sobre as águas na região e o poder público nada faz”, crítica.

O acidente

Antônio circulava pela Rua 87, no Setor Sul, na tarde de sexta (15) e, ao perceber que a via estava alagada, subiu com a moto na calçada.  A enxurrada estava muito forte e o empurrou. Ele acabou encostando no poste metálico de iluminação pública e levou o choque elétrico. Os bombeiros chegaram para socorrê-lo, mas ele já estava sem vida.

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe do Portal www.EMAISGOIAS.com.br pelo WhatsApp (62) 98272-3896 ou entre em contato pelo (62) 3259-6500