LUTO

“Me deixa uma grande responsabilidade”, diz Rogério Cruz sobre morte de Maguito

Rogério destacou que Maguito era um homem "simples, de coração puro, de um caráter ilibado". Maguito morreu aos 71 anos por complicações causadas pela Covid-19


Joao Paulo Alexandre
Do Mais Goiás | Em: 13/01/2021 às 08:03:20

Prefeito de Goiânia em exercício, Rogério Cruz, ao lado de Maguito (Foto: Redes sociais)
Prefeito de Goiânia em exercício, Rogério Cruz, ao lado de Maguito (Foto: Redes sociais)

O prefeito em exercício de Goiânia, Rogério Cruz (Republicanos), publicou o seu pesar pela morte do prefeito licenciado Maguito Vilela (MDB), de 71 anos. Em um trecho do texto, Rogério afirma que Maguito ” deixa uma grande responsabilidade de fazer Goiânia seguir em frente juntamente com uma equipe de excelência. E assim faremos”.

Além disso, o político classifica Maguito como ” homem simples, de coração puro, de um caráter ilibado e que sonhou com ‘UMA LINDA GOIÂNIA’. Por fim, ele se solidariza com os filhos de Maguito, Daniel, Miguel, Vanessa e Leandro e para com a esposa dele, Flávia. “#maguitoguerreiro, sua história ficará marcada em todos nós”, finaliza.

 

Maguito morreu às 4h10 da manhã desta quarta-feira (13), apenas 11 dias de completar 72 anos de idade. A confirmação foi dada pelo Hospital Israelita Albert Einstein, local onde o político estava internado desde o último dia 27 de outubro. Com o nome de batismo de Luís Alberto, o político ficou 83 dias na unidade e morreu em decorrência das complicações causadas pela Covid-19, doença da qual já estava curado, de acordo com a unidade de saúde

O emedebista foi vereador, deputado estadual, federal, vice-governador, governador, senador, prefeito de Aparecida de Goiânia por dois mandatos e ainda foi vice-presidente do Banco do Brasil do governo Lula.