Do Mais Goiás

Mainardi deixa programa após xingar o advogado goiano Kakay 

Jornalista pediu demissão do Manhattan Connection e xingou novamente o advogado

Mainardi deixa programa após xingar o advogado goiano Kakay 
Mainardi deixa programa após xingar o advogado goiano Kakay  (Foto: Reprodução)

Depois de xingar o xingar o advogado goiano Antônio Carlos de Almeida Castro, o Kakay (no “Manhattan Connection”, da TV Cultura, na última semana), o jornalista Diogo Mainardi pediu demissão nesta terça (4). A informação é do UOL. “Para preservar o programa, resolvi pedir demissão, que foi aceita de bom grado pela diretoria da emissora.”

“Desde a quarta-feira da semana passada, quando xinguei o lulista Kakay, a TV Cultura estava pressionando os produtores do Manhattan Connection, a fim de que tomassem alguma medida contra mim. Para preservar o programa, resolvi pedir demissão, que foi aceita de bom grado pela diretoria da emissora”, escreveu Mainardi no site O Antagonista.

Ainda no texto, ele agradeceu aos colegas e repetiu o xingamento que motivou sua saída. “Fiz grandes amigos nesses 17 anos. Obrigado, Lucas [Mendes], Caio [Blinder], Pedro [Andrade] e Angélica [Vieira]. E vai tomar no c…, Kakay”….

Vale lembrar, após o ocorrido, em nota, a TV Cultura disse que não concordava com a situação e que já tinha tomado “providências junto à empresa produtora do Manhattan Connection”.

Para quem não se lembra, Kakay participava do programa da Cultura, na última semana, como convidado. Em determinado momento, Mainardi mandou o advogado “tomar no c…” e o palavrão foi coberto por um “bipe”.]

O Mais Goiás tentou contato com o advogado para comentar o desfecho, mas não teve retorno.

Detalhes

Na quarta-feira (28), o programa Manhattan Connection contou a participação do humorista Fábio Porchat e, na sequência, do advogado Kakay, que falou sobre as decisões mais recentes do Supremo Tribunal Federal (STF). Kakay, entre outras coisas, fez críticas ao ex-ministro Sergio Moro – que tem bom relacionamento com membros do site O Antagonista – se posicionou de forma contrária a prisão após a segunda instância.

No fim do programa, após discussões, Kakay elogiou o programa e disse que o Manhattan tinha três profissionais preparados e um mal humorado para “xingar”. Então, Mainardi disse: “Como diria Olavo de Carvalho, vai …” Apesar da fala cortada, foi possível ver o xingamento pela leitura labial. O âncora, Lucas Mendes, era acompanhado por Pedro Andrade e Caio Blinder na bancada.

O momento foi compartilhado no Twitter. Confira: