LUTO

Maguito deve ser enterrado por volta das 9h desta quinta, em Jataí

Antes do enterro, haverá missa e cortejo pela cidade


Eduardo Pinheiro
Do Mais Goiás | Em: 14/01/2021 às 08:10:29

Daniel Vilela, na manhã desta quinta-feira (Foto: James Mateus)
Daniel Vilela, na manhã desta quinta-feira (Foto: James Mateus)

Maguito Vilela (MDB) será sepultado na manhã desta quinta-feira (14) no Cemitério São Miguel, em Jataí. O enterro está marcado para as 9h e deve contar com as presenças do governador Ronaldo Caiado (DEM), dos prefeitos de Aparecida de Goiânia, Gustavo Mendanha (MDB), de Jataí, Humberto Machado (MDB), da esposa, Flávia Teles, dos filhos Daniel Vilela (MDB), Maria, Miguel e Anna Teles.

O governador Ronaldo Caiado (DEM) chega a Jataí ainda na manhã desta quinta para prestar as últimas homenagens. Antes do enterro está prevista uma missa em homenagem ao prefeito eleito de Goiânia, marcado para as 8h. O corpo então seguirá em cortejo do ginásio para o cemitério.

Em entrevista na manhã desta quinta-feira, o filho de Maguito, Daniel Vilela disse que esperava que o pai morresse próximo dos 100 anos, assim como . “Ele sempre foi muito vigoroso e muito forte. Meu avô faleceu com 94 anos, os tios dele próximo dos 100 anos. A gente sempre acreditou que chegaria próximo ao 100 também. Ao despedir dele falei: pai, esse não era o combinado: o senhor deveria chegar a idade do meu avô”, afirmou.

Maguito será enterrado em um jazigo da família em que estão as irmãs Nelma e Nelita Vilela, que também morreram em decorrência da covid-19.

Velório

Maguito chegou a Goiânia por volta das 16h de quarta-feira (13) transportado por uma aeronave do estado. Após a chegada, seguiu em carro aberto do Corpo de Bombeiros em cortejo por Goiânia e Aparecida de Goiânia. No Paço Municipal da capital, recebeu homenagem da Guarda Municipal. Na Cidade Administrativa de Aparecida recebeu homenagens do prefeito Gustavo Mendanha.

O corpo do prefeito eleito de Goiânia chegou a Jataí, cidade natal de Maguito, por volta das meia-noite desta quinta-feira e foi velado durante toda a madrugada no ginásio municipal. O velário foi aberto ao público com esquema especial de segurança e distanciamento social. Admiradores, eleitores, apoiadores e conhecidos de Maguito foram até o ginásio para prestar as últimas homenagens.

Maguito morreu às 4h10 de quarta-feira após complicações causadas por uma infecção pulmonar. Ele estava internado há mais de 80 dias no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, para tratamento de covid-19.