Live no domingo (20) oferece aula gratuita de forró e músicas angolanas

O projeto Studio Zuka Mwangolê, promove aulas de dança gratuita, com estilos brasileiros e angolanos

aula gratuita de forró e músicas angolanas
(Foto: Reprodução/ Pexels)

Em busca de algo diferente pra fazer? Que tal participar de uma aula gratuita de forró? E o melhor, sem precisar sair de casa? Essa é justamente a proposta da live promovida pelo Coletivo Kizomba Yetu, que para celebrar o mês de São João, realiza a aula no dia 20 de junho (domingo), a partir das 15h.

O evento faz parte do projeto de dança online “Studio Zuka Mwangolê” e será conduzido por Vanessa Dias, coordenadora do projeto. Além disso, o público também poderá conhecer um pouquinho da cultura angolana, já que no fim da aula, quem entra em cena é o DJ Josemar, que tocará músicas do país em uma mistura com hits brasileiros.

O objetivo do projeto é divulgar e expandir ambas as culturas, por meio de workshops, vídeo aulas e demonstrações de danças, como é o caso da aula gratuita de forró que acontece no próximo domingo. Assim, contribuindo para a promoção da saúde física e mental de alunos por todo o Brasil.

Vanessa, que se destaca no Afro House/ Kuduro, e que também é pesquisadora das danças africanas desde 2016, comenta que esta é uma oportunidade para, através da dança, proporcionar experiências únicas para seus alunos, fazendo com que toda a família possa participar, em um evento acessível e que promove o bem-estar.

O Studio Zuka Mwangolê é uma iniciativa do coletivo Kizomba Yetu, levando danças populares brasileiras e angolanas para o ambiente virtual, para quem quiser participar. Segundo a coordenadora do projeto.

Entre as modalidades de danças nacionais, é possível contar com forró, samba no pé e carimbó. Entre as angolanas, kizomba, semba e Afro House/ Kuduro. A Live poderá ser acompanhada pelo TikTok e YouTube do Studio Zuka Mwangolê.

Serviço

Aula gratuita de forró

Quando: 20 de junho (domingo)

Onde: TikTok e YouTube do Studio Zuka Mwangolê

Horário: 15h

Acesso: gratuito

Leia também: