Laura Pigossi e Luisa Stefani se classificam para as semis e seguem campanha histórica no tênis

Brasileiras venceram dupla dos Estados Unidos - cabeça de chave número 4 do torneio -, de virada, por 2 sets a 1.

Foto: Gaspar Nóbrega/COB

Laura Pigossi e Luisa Stefani não cansam de fazer história. Responsáveis pela melhor campanha do tênis feminino brasileiro em Olimpíadas, as atletas subiram mais um degrau. Ganharam de Bethanie Mattek-Sands e Jessica Pegula, dupla dos Estados Unidos – cabeça de chave número 4 do torneio -, de virada, por 2 sets a 1, parciais de 1/6, 6/3 e 10/6.

Nervosas, as brasileiras erraram bastante no primeiro set e foram presas fáceis, perdendo por 6/1. Com a cabeça no lugar, puderam mostrar toda qualidade na parcial seguinte, atuando de forma agressiva, com vários ataques, como smashes, para fechar em 6 a 3, após as americanas salvarem três sets points. No super tie-break, os saques de Pigossi e os voleios de Luisa Stefani fizeram a diferença: 10/6 e uma memorável vitória para o tênis do país.

Nas semifinais, as brasileiras enfrentarão a dupla vencedora do duelo entre as australianas Perez/Stosur x Bencic/Golubic, da Suíça.

Até o momento, a melhor campanha geral do tênis brasileiro em Olimpíadas foi o quarto lugar de Fernando Meligeni em Atlanta-1996.