Cidades

Justiça mantém bloqueio de bens de investigados no caso do padre Luiz Augusto

Bens do Sindicato dos Servidores da Assembleia Legislativa do Estado de Goiás (Sindisleg) e seu presidente, Euclides de Oliveira Franco, continuarão indisponibilizados no valor de R$ 898.207,32

Do Mais Goiás, em Goiânia | Postado em: 23/11/2015 às 21:44:11
Justiça mantém bloqueio de bens de investigados no caso do padre Luiz Augusto
(Foto: Reprodução)


Compartilhe

Palavras Chave: Funcionário fantasma


Compartilhe