Cidades

Juiz decreta prisão preventiva de homem que matou esposa grávida de 4 meses

Motorista ficará preso enquanto processo transcorrer com a Polícia Civil, que produz o inquérito para remeter. Nesta ocasião, a justiça ainda não entra no mérito do crime, apenas sobre manter ou não Aginaldo Viríssimo preso

Do Mais Goiás | Postado em: 05/06/2018 às 16:37:36
Juiz decreta prisão preventiva de homem que matou esposa grávida de 4 meses
Aginando Verrísmo Cuelho, acusado de matar a esposa no dia 4 de junho deste ano (Foto: Mais Goiás)


Compartilhe



Compartilhe