Crime Ambiental

Jovem é preso vendendo cobra dentro de terminal de ônibus, em Goiânia

A jiboia de três meses estava enrolada em uma caixa dentro da mochila do rapaz. O animal seria entregue no Terminal da Praça Bíblia para uma mulher por R$ 250


Kayque Juliano

Do Mais Goiás | Em: 09/05/2018 às 11:05:35


O suspeito já foi preso em 2017 com 60 animais silvestres em casa. (Foto: Polícia Militar)
O suspeito já foi preso em 2017 com 60 animais silvestres em casa. (Foto: Polícia Militar)

Um jovem de 20 anos foi preso em flagrante na noite desta terça-feira (8) enquanto vendia uma cobra dentro do Terminal Praça da Bíblia, em Goiânia. De acordo com a Polícia Militar (PM), Gabriel Beraldino Gonçalves de Jesus estava no local com uma jiboia de três meses de vida dentro da mochila. Ele já tem passagens por crime ambiental quando foi pego, em abril do ano passado, com cerca de 60 animais silvestres em casa.

Ele foi abordado por volta de 20h40 durante a Operação Embarque Seguro, da Polícia Militar. Após fazer a revista na mochila do rapaz, que estava parado na plataforma do terminal, os policiais encontraram a cobra enrolada dentro de uma caixa. No celular do suspeito, foram encontradas também várias conversas onde o jovem negocia a compra e venda do réptil.

(Foto: Polícia Militar)

Segundo a PM, a cobra seria entregue no terminal de ônibus para uma mulher que teria comprado o animal por R$250. A compradora não foi localizada e o rapaz foi preso e encaminhado para a Central de Flagrantes de Goiânia. Ele foi liberado e vai responder em liberdade a um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO). A cobra foi levada para o Centro de Triagens de Animais Silvestres (Cetas).

(Foto: Polícia Militar)

Histórico 

No dia 7 de abril de 2017, Gabriel Beraldino foi preso com 60 animais silvestres em casa do pai, na Chácara Santa Rita, em Goiânia. Na ocasião, o pai do suspeito confessou aos policias que o filho criava os animais porque gostava desde criança. Para a polícia, o jovem contou que não comercializa os animais e que cuidava para, posteriormente, soltar em ambientes rurais.

No local foram encontradas uma jiboia adulta, duas jiboias jovens, cinco jiboias filhotes, nove jacarés tinga filhotes, uma sucuri jovem, uma iguana filhote, e uma jararaca também filhote. Foram encontrados também animais da fauna exótica como uma cobra píton adulta, cinco cobras da espécie corn snakes adultas, três lagartos pogona, 12 lagartos gecko leopardi adultos, nove lagartos gecko leopardi filhotes. Na casa do suspeito, no Setor Goiânia Viva, foram encontradas mais duas jiboias jovens. Na ocasião, todos os animais apreendidos e levados para o Cetas.