Goiânia

Jovem é agredido por dois homens, no setor Bueno; suspeita é de homofobia

Segundo delegado, policiais trabalham para identificar os agressores, que podem responder por crimes de lesão corporal e racismo, nos termos de homofobia


Larissa Lopes
Do Mais Goiás | Em: 16/07/2019 às 19:19:32

Foto: Arquivo pessoal
Foto: Arquivo pessoal

Um rapaz de 24 anos foi agredido fisicamente por dois homens no dia 6 de julho, no Setor Bueno, em Goiânia. O crime ocorreu por volta das 6h50. A suspeita é que a motivação tenha sido homofobia.

“Estava passando pela T-49, quando três caras começaram a me xingar e dizer que eu tinha que apanhar para virar homem”, relata A. M.C.O.F.  “Continuei andando, mas logo dois deles vieram atrás. Um jogou um copo de vidro em mim, e o outro começou a me agredir com socos”, completa a vítima, que afirma que não conhece os agressores. “Nunca os tinha visto antes”, diz.

Segundo A.M, após entrevista a um canal de TV começaram a aparecer denúncias de que os suspeitos já possuem um histórico de agressões de caráter machistas e homofóbicas.

A vítima denunciou o caso à polícia no dia 10 deste mês, depois que conseguiu imagens de câmera de segurança em um colégio da região. “A polícia já está em campo tentando identificar os agressores”, afirma o delegado responsável pelas investigações, Carlos Caetano Júnior, da 4º Delegacia Distrital de Polícia Civil.

A.M prestou depoimento na tarde desta terça-feira (16). Nenhuma testemunha presenciou o caso. quando forem encontrados, os suspeitos serão intimados a comparecer à delegacia. “A princípio, eles podem responder por crimes de lesão corporal e também por preconceito, conforme previsto no artigo 20 da Lei de crime racial, dentro do termo de homofobia”, afirma o delegado.

*Larissa Lopes é integrante do programa de estágio do convênio entre Ciee e Mais Goiás, sob orientação de Hugo Oliveira