Medicamento

Jovem de 17 anos toma dose excessiva de paracetamol e morre

Adolescente tomou uma dose excessiva acidentalmente após sofrer dores de cabeça





//

Uma jovem britânica de 17 anos morreu após sofrer uma overdose acidental de comprimidos de paracetamol. Segundo informações do jornal britânico Daily Mail, Georgia Littlewood havia se queixado de fortes dores no estômago e tomou uma dose três vezes maior do que a recomendada para o medicamento – ela sofreu uma insuficiência hepática.

De acordo com a publicação, a jovem passou mal e foi levada às pressas para o hospital de Huddersfield, na Inglaterra – ela relatou que havia vomitado várias vezes durante a madrugada.

A adolescente contou aos médicos que tinha tomado comprimidos de paracetamol e, após exames, a equipe concluiu que ela precisava de um transplante de fígado com urgência.

A condição do órgão da jovem piorou rapidamente e ela foi levada para UTI, onde os médicos não conseguiram reverter o quadro. Ela morreu no dia 30 de março.

Em depoimento à polícia, a mãe da Georgia afirmou que ela recomendou uma dose do remédio para a jovem depois que ela se queixou de dores de cabeça. Durante a noite, ela teria ido para a casa do namorado, onde começou a sentir-se mal, sendo levada para o hospital.

O legista que analisou o corpo de Georgia concluiu que ela sofreu um efeito tóxico do paracetamol que ocorre quando alguém toma mais de uma dose em um período relativamente curto. O médico ressaltou que não há indícios de que ela tenha tomado a dose excessiva de propósito, concluindo que a morte foi um acidente.