Do Mais Goiás

Jessica Capshaw e Sarah Drew deixarão elenco de ‘Grey’s Anatomy’

Ao que tudo indica, Arizona Robbins e April Kepner não morrerão e sairão da série devido ao rumo criativo dos novos episódios do drama médico

Desculpa pelo spoiler logo no título! Mas segundo informações do site Deadline, as atrizes Jessica Capshaw e Sarah Drew, que interpretam Arizona Robbins e April Kepner em Grey’s Anatomy, deixarão o elenco do drama médico após sua 14ª temporada.

Ao que tudo indica, ao contrário da maioria dos personagens que saem da série, as duas não morrerão. A saída das médicas está ligada ao novo rumo que Grey’s Anatomy tomará nos próximos episódios. “Como roteiristas, nosso trabalho é seguir histórias para onde elas querem ir e às vezes isso significa dizer adeus a personagens que amamos”, disse Krista Vernoff, co-showrunner e produtora executiva de Grey’s.

Shonda Rhimes foi um pouco mais emotiva e afirmou que é sempre difícil dar adeus aos seus personagens. “Serei sempre grata por Jessica e Sarah terem feito essas personagens (Arizona e April) com performances vibrantes, e por inspirarem mulheres ao redor do mundo. Elas sempre farão parte da família Shondaland”, disse a criadora da série.

Tristes e processando a informação

Em suas redes sociais, Sarah Drew disse ainda não ter processado a informação. “Eu soube há menos de 48 horas, então não estou pronta para dar meus agradecimentos e fazer um comunicado sobre meus nove anos de série. Isso vem depois”, escreveu ela. A atriz elogiou os colegas de set, sublinhando Kevin McKidd, que dá vida ao cirurgião Owen Hunt.

Jessica Chapsaw também fez um texto para se pronunciar. A atriz interpretou a cirurgiã pediátrica Arizona Robbins por 10 anos e, segundo ela, foi “uma das primeiras integrantes da comunicade LGBTQ a ser representada em um papel regular em uma série de televisão aberta”. “O seu impacto no mundo é permanente e eterno”, enfatizou a artista. “Estou triste em vê-la (a personagem) ir embora, mas tenho consolo na ideia de que ela vai continuar em todas as nossas consciências e imaginações”, escreveu.

 

Informação cruzada

A publicação do Deadline comentou ainda a alteração de salário da protagonista de Grey’s Anatomy, Ellen Pompeo, que agora é a mulher mais bem paga da televisão norte-americana. A informação, entretanto, foi colocada de maneira confusa, dando a entender que a saída de Chapsaw e Drew teria a ver com os ganhos de Pompeo.

A atriz foi às suas redes sociais e condenou o site pela comparação. “É bem infeliz que o Deadline tente colocar uma mulher contra a outra justo no Dia Internacional das Mulheres. Eu sou uma mulher crescida. Deadline pode me atacar se quiser. Mas os fãs, por favor não caiam nessa armadilha. Isso esta além do meu salário”, escreveu a intérprete de Meredith Grey.

Krista Vernoff, co-showrunner de Grey’s, também publicou um longo texto criticando a publicação, no qual lê-se que o site “traz uma noção antiga, fraca e patriarcal de que as mulheres devem estar umas contra as outras e que o sucesso de uma mulher vai custar algo às outras”.

O site se pronunciou, reforçando que não existe relação entre as duas informações: “Enquanto a matéria do Deadline sublinhou que a decisão para as saídas de Capshaw e Drew era estritamente criativa, a menção do grande acordo novo para Pompeo, que ajudou a garantir uma renovação para Grey’s, levou à especulação online sobre uma possível conexão entre os dois”