Deu ruim!

Investigado por receptação é preso ao prestar depoimento embriagado em Guapó

Homem dirigiu até a delegacia com visíveis sinais de embriaguez; o detido estava alterado, gritava com os servidores e se recusou a fazer teste do bafômetro


Thaynara Cunha
Do Mais Goiás | Em: 17/10/2019 às 12:31:56

Embriagado, homem se recusou a soprar o bafômetro; ele é investigado por receptação de carro roubado (Foto: Divulgação / PC)
Embriagado, homem se recusou a soprar o bafômetro; ele é investigado por receptação de carro roubado (Foto: Divulgação / PC)

Um homem, de 49 anos, foi preso em flagrante após dirigir embriagado até a delegacia onde prestaria depoimento. Caso ocorreu nesta terça-feira (15), no município de Guapó, na Região Metropolitana de Goiânia. O autuado, que não teve o nome divulgado, foi chamado à Delegacia de Polícia Civil (PC) para prestar esclarecimentos por um crime de receptação, pelo qual é investigado. 

No entanto, o homem chegou à delegacia visivelmente embriagado e dirigindo um veículo. Ele estava alterado e gritava com os servidores da unidade policial. O delegado Arthur Fleury conduziu o investigado à unidade da Polícia Rodoviária Federal (PRF) para realizar o teste do bafômetro, mas ele não aceitou soprar o aparelho.

“Há uns dias a polícia apreendeu com ele um carro clonado, mas ele alegou que não sabia que se tratava de um carro clonado. Desde então ele é investigado por receptação. No dia de prestar depoimento ele chegou bastante alterado, nervoso e se recusou fazer o teste do bafômetro”, declara.

Através de vídeos e testemunhas, além dos claros sinais de embriaguez, o homem foi detido pela polícia. Segundo Fleury, o homem foi, então, autuado em flagrante por dirigir embriagado. O investigado possui passagens por estelionato e apropriação indébita.

*Thaynara da Cunha é integrante do programa de estágio do convênio entre Ciee e Mais Goiás, sob orientação de Hugo Oliveira