FolhaPress

Instabilidade deixa fora do ar sites de notícias e redes sociais

The New York Times, Le Monde, BBC, The Guardian, Financial Times, Bloomberg e El Mundo foram alguns das página atingidas

The New York Times, Le Monde, BBC, The Guardian, Financial Times, Bloomberg e El Mundo foram alguns das página atingidas
The New York Times foi um dos jornais atingidos pela instabilidade (Foto: divulgação)

Uma instabilidade derrubou sites de importantes veículos de comunicação na manhã de hoje. Foram atingidos The New York Times, Le Monde, BBC, The Guardian, Financial Times, Bloomberg e El Mundo. Alguns sites voltaram a operar normalmente, mas outros, como o Financial Times, permanecem com problemas de acesso.

O mau funcionamento também atingiu sites da Casa Branca e dos governos da Itália e do Reino Unido. Amazon, Spotify, Reddit, PayPal e a rede social Twich foram outros serviços que ficaram fora do ar por alguns instantes.

Segundo informações do site Downdetector, que monitora instabilidades em serviços online, há uma “avaria de grande envergadura no Fastly”, fornecedor de serviços de computação em nuvem, sediado nos Estados Unidos.

Em comunicado divulgado em seu site, a Fastly disse estar investigando “o potencial impacto para a performance de nosso serviço” e que a maioria das áreas de cobertura da Fastly enfrentava “performance degradada”.

A instabilidade aconteceu por volta das 7h, horário de Brasília. Ao tentar acessar o site, uma mensagem de erro de conexão, ou de que o serviço não está disponível, aparecia na página.

*Com AFP, Reuters e ANSA