Do Mais Goiás

Índices de testes positivos para covid-19 continuam altos em Goiânia

Estado vive seu pior momento desde o início da doença, já são oito semanas de testagem apontando mais de 10% de positivos entre os testados

Saúde descarta endurecimento de restrições mesmo após alta de casos da variante Delta em Goiás
Saúde descarta endurecimento de restrições mesmo após alta de casos da variante Delta em Goiás (Foto: Jucimar de Sousa / Mais Goiás)

A Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia (SMS) realizou na última sexta-feira (12) mais de 2 mil testes para detecção do coronavírus na população. Os resultados preocuparam os profissionais de saúde, com mais de 10% de todos os resultados sendo positivos para covid-19.

Ao todo foram 239 resultados positivos. As região Norte e Noroeste foram as mais preocupantes, já que a quantidade de infectados chegou a 11,4% e 12% do total, respectivamente.

Os resultados comprovam o cenário atual no estado, que vive o pior momento desde o início da pandemia. Já são oito semanas de testagem apontando mais de 10% de positivos entre os testados.

Segundo a Secretaria, a testagem foi feita por agendamento, evitando aglomeração. “Os casos seguem aumentando e é necessário redobrar os cuidados, isolar os assintomáticos e monitorar as regiões que apresentam maior transmissibilidade do vírus”, afirmou o secretário municipal de saúde, Durval Pedroso.

Casos de covid-19

Segundo o boletim divulgado nesta sexta-feira (12/3), Goiânia já tem 121.242 casos confirmados do novo Coronavírus, sendo que 639 foram notificados em 24 horas. Desde o início da pandemia, a capital perdeu 2.943 vidas para a Covid-19.

A primeira testagem ampliada foi feita em agosto de 2020 e, até a última sexta-feira (12), já foram mais de 134 mil pessoas testadas. Em poucos mais de 16 mil delas, foi detectado o novo Coronavírus, mantendo a média de 12% de casos positivos apontada na semana passada.