Joao Paulo Alexandre
Do Mais Goiás

Idoso é suspeito de atropelar adolescente e não prestar socorro em Anápolis; vídeo

Dielinton Haryell Silva Roque, de 16 anos, foi atropelado na última sexta (18). Ele voltava de uma partida de futebol

Mãe de adolescente morto atropelado em Anápolis pede justiça após soltura de idoso; veja
Mãe de adolescente morto atropelado em Anápolis pede justiça após soltura de idoso; veja

Um idoso de 79 anos foi preso neste domingo (20) por suspeita de atropelar e matar o adolescente Dielinton Haryell Silva Roque, de 16 anos, em Anápolis, a 55 km de Goiânia. Em depoimento à Polícia Civil (PC), o homem alegou que não prestou socorro à vítima porque estava sendo perseguido por assaltantes.

O atropelamento aconteceu na noite da última sexta-feira (18). O adolescente voltava para casa depois de um partida de futebol. Pedalava pela avenida Pedro Ludovico, no residencial Morumbi. A bicicleta ficou completamente retorcida com o impacto da batida. O idoso não prestou socorro à vítima. O jovem foi enterrado no dia seguinte no cemitério Parque.

De acordo com a corporação, familiares e a Polícia Militar (PM) realizavam buscas pelo motorista desde o dia do acidente. Encontrar o idoso foi possível graças a circuito de monitoramento da região do acidente conseguidos pelo padrasto da vítima.

O idoso estava na rua e retornava para casa quando percebeu que policiais e familiares se aproximava do local. Com isso, ele confessou que atropelou o adolescente após realizar uma manobra irregular no local do acidente. Ele foi encaminhado à delegacia.

O delegado George Muniz, que realizou a prisão do idoso, afirma que o homem alegou em depoimento que o mesmo estaria sofrendo um tentativa de assalto por motociclistas, que teriam visto o idoso guardar duas notas de R$ 50. Porém, George ressalta que essa versão não se confirmou.

Ele foi autuado por homicídio culposo qualificado- quando não há intenção de matar – com agravante de não ter prestado socorro à vítima e está detido no presídio da cidade. Ele aguarda por audiência de custódia que será realizada nesta segunda-feira (21).

O caso foi encaminhado à Delegacia de Investigação de Crimes de Trânsito (Dict) da cidade.

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe do Portal www.EMAISGOIAS.com.br pelo WhatsApp (62) 98272-3896 ou entre em contato pelo (62) 3259-6500