Do Mais Goiás

Idosa de 97 anos é encontrada em mata após 28h desaparecida, em Formosa

Vítima estava bem, mas desorientada

Idosa de 97 anos é encontrada em mata após 28 horas desaparecida, em Formosa
Idosa de 97 anos é encontrada em mata após 28 horas desaparecida, em Formosa (Foto: Divulgação/CBM)

Uma idosa de 97 anos foi encontrada em uma mata, após ficar 28h desaparecida, na zona rural de Formosa, no Entorno do Distrito Federal. Ela desapareceu às 13h de segunda-feira (19) e foi localizada por volta de 17h de terça-feira (20). Segundo o Corpo de Bombeiros, a equipe e a família que a encontraram. Apesar de não ter se machucado, ela estava desorientada e foi deixada aos cuidados dos parentes.

Ao Mais Goiás, Igor Fleury, tenente do Corpo de Bombeiros, disse que a idosa saiu para buscar lenha por volta de 13h de segunda-feira. Porém, até a noite a mulher não havia aparecido em casa. Preocupados, os familiares acionaram os bombeiros, que se organizaram para sair cedo no dia seguinte em busca da desaparecida.

No meio do caminho, junto com os parentes da idosa, os militares encontraram o primeiro rastro da mulher: pedaços lenha amarrados com um acessório que ela usa no cabelo. Horas depois, os agentes localizaram um dos chinelos que a idosa estava usando.

Contudo, somente no final da tarde de terça, a idosa foi encontrada. O tenente disse que ela percorreu cerca de 6 km na mata. Revelou, ainda, que ela estava bem, ilesa, sem sinais de hipotermia ou desidratação, mas desorientada, dizendo que havia saído para lavar roupa no rio.

Idosa de 97 anos é encontrada em mata após 28 horas desaparecida, em Formosa (Foto: Divulgação/CBM)

Idosa sendo levada para casa (Foto: Divulgação/CBM)

Motociclista é arremessado após ser atingido por carro em Formosa; assista.